PRESIDENTE DA FUNDAÇÃO ELIAS MANSOUR VISITA OBRA DA CONCHA ACÚSTICA JORGE NAZARÉ

O presidente da Fundação de Cultura Elias Mansour (FEM), Manoel Pedro (Correinha), realizou no decorrer desta semana uma visita técnica à obra de revitalização da Concha Acústica Jorge Nazaré.  O espaço artístico-cultural recebeu uma nova lona com maior resistência, nova pintura e maior acessibilidade, garantindo um alcance mais efetivo de artistas e do público.

De acordo com o presidente, a Concha Acústica reforça as atividades culturais no Estado principalmente neste período de pandemia, onde locais abertos são cada vez mais requisitados.

“Hoje nós carecemos de espaços públicos abertos. Não podemos mais encher espaços fechados, porque ainda corremos certo risco devido à situação que estamos passando”, frisou.

Correinha acrescentou ainda que, após a inauguração, a Concha poderá comportar diversas atividades artístico-culturais. “A FEM fica extremamente feliz em poder entregar esse espaço para os trabalhadores da cultura e para a sociedade”, completou.

A entrega da obra deve ser realizada no dia 31 de outubro, mas a agenda cultural de reinauguração ainda está sendo elaborada. A programação será divulgada no portal da FEM e nas redes sociais.

Um palco universal

Localizada no Parque da Maternidade, a Concha Acústica é um dos pontos turísticos mais famosos de Rio Branco. Palco de vários eventos culturais, esportivos e ponto de encontro da população, ela foi inaugurada em 2002 e, desde então, tornou-se um dos locais mais queridos pela população rio-branquense.

Pedestres e ciclistas costumam circular pelo local em busca dos eventos culturais que acontecem por lá. O palco do local já recebeu músicos como Lenine, João Donato e a banda Los Porongas, atrações de carnaval e festivais como o Festival Chico Pop, que faz referência ao jornalista acreano homônimo.

Gostou? Compartilhe.

Share on facebook
Share on twitter
Share on telegram
Share on whatsapp